Menos de dez por cento das pessoas, em média, desenvolveram anticorpos contra a Covid-19, no mundo.

 

O percentual varia de acordo com a população estudada e pode ser maior entre profissionais de saúde ou em regiões com mais circulação do vírus.

 

Ao divulgar o dado, a Organização Mundial da Saúde, a OMS, alerta que a chamada imunidade de rebanho contra a doença está longe de ser alcançada.

 

Isso porque cerca de 90 por cento da população global ainda é vulnerável ao coronavírus.

 

Especialistas afirmam que não se sabe por quanto tempo as pessoas que foram infectadas permanecem imunes.

 

E, de acordo com a OMS, a futura vacina pode não garantir que todos que a receberem vão desenvolver proteção ao coronavírus.

 

A entidade reforça que é preciso investir no que pode ser feito neste momento, para barrar a transmissão da Covid-19.

 

A OMS recomenda reforçar as medidas de prevenção ao vírus, principalmente para que a reabertura das escolas possa ocorrer de forma segura.