Número de pessoas afastadas do trabalho por conta da pandemia despenca.

 

No fim de julho, eram quase seis milhões de brasileiros. Já no começo de agosto, eram quatro milhões e 700 mil.

 

Os números aparecem em uma pesquisa do IBGE, feita pra medir os impactos da pandemia na economia e no mercado de trabalho.

 

O resultado mostra que mais de um milhão de pessoas que estavam em casa, com o contrato suspenso, por exemplo, voltaram para a empresa.

 

Por outro lado, a taxa de desemprego praticamente estacionou, no começo de agosto, na comparação com o fim de julho.

 

A coordenadora do IBGE, Maria Lucia Vieira, explica:

 

Sonora

 

Vale lembrar que o País chegou a ter quase 17 milhões de pessoas afastadas, no mês de maio.

 

Quanto ao número de brasileiros em trabalho remoto, o chamado home office, praticamente não houve mudança, de julho pra agosto.

 

E, no começo do mês, cerca de oito milhões e 600 mil pessoas exerciam suas funções de casa.