Preferência pelo uso da bicicleta como meio de transporte cresce entre os brasileiros.

 

Pesquisa Datafolha revela que, em todo o País, 38 por cento das pessoas que não possuem carro consideram a bicicleta um veículo seguro.

 

Em segundo lugar aparecem os aplicativos de transportes, com um índice de 36 por cento, e o táxi, com nove por cento.

 

Do total de pessoas ouvidas, apenas quatro por cento dos brasileiros que não têm carro preferem utilizar o transporte público.

 

O grau de aglomeração foi o critério mais apontado pelos entrevistados ao escolherem a melhor forma de ir e vir, com um índice de 29 por cento.

 

Já a segurança oferecida pelo meio de transporte foi mencionada por 20 por cento dos participantes do estudo.

 

Outros 14 por cento citaram como prioridade a facilidade de acesso e o menor risco de contaminação por Covid-19, como critérios para a escolha do meio de locomoção.