O nível de produção industrial caiu em 12 dos 15 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em 2020.

De acordo com dados divulgados pelo Instituto, os principais recuos foram registrados no Espírito Santo, onde a queda beirou 14%, no Ceará, com tombo de 6% e em São Paulo, estado em que as indústrias produziram 5,7% a menos no ano passado, na comparação com 2019.

Na média nacional, segundo dados do instituto divulgados na semana passada, a indústria teve queda de 4,5%.

Também tiveram queda na produção industrial acima da média nacional Amazonas, Rio Grande do Sul, Bahia e Mato Grosso. Todos eles com quedas na casa de 5%.

Além disso, recuaram em 2020, mas menos do que a média nacional, as produções industriais de Santa Catarina, de Minas Gerais, do Paraná e da Região Nordeste.

Também houve ligeira queda no Pará, mas mínima, de 0,1%.

Ainda de acordo com os dados divulgados pelo IBGE, apenas 3 estados fecharam o ano com resultado positivo: Pernambuco, onde houve aumento da produção industrial de 3,7%, Rio de Janeiro, com avanço de 0,2% e Goiás, com 0,1%.